2014/05/30
by jogadorsonhador
0 comments

Guerra e paz

mouseguard
Há conflito de todas as cores nos nossos RPGs e essa variedade só pode enriquecer os nossos jogos. Neste episódio, entramos no meio de lutas até à morte mas também repousamos numa prazenteira rotina. Vamos também até onde mora a história que nunca pensamos jogar. Episódio 97, “Guerra e paz”:
guerraepaz
Este epiódio pode ser descarregado a partir da Terceira Terra. Também podem subscrever o feed RSS aqui.

2014/04/26
by jogadorsonhador
0 comments

Técnicas básicas de roleplay

tecnicas
Falando daquilo que aprendi desde que comecei a jogar RPGs, apresento nesta série de dois episódios as práticas mais comuns, quer para jogadores, quer para mestres-jogo.

Parte 1

Parte 2

Estes episódios podem ser descarregados a partir da Terceira Terra. Também podem subscrever o feed RSS aqui.

2014/02/16
by jogadorsonhador
0 comments

Jogamos Night’s Black Agents!

nba
Juntem-se a nós e descubram um excelente RPG de espiões e conspirações vampíricas.
Oiçam aqui a primeira parte, que podem descarregar da Terceira Terra.

E oiçam aqui a segunda parte, também disponível na Terceira Terra.

Não se esqueçam que também podem receber diretamente todos os episódios do Jogador-Sonhador subscrevendo o feed:http://www.terceiraterra.com/category/jogador-sonhador/feed/

2014/02/02
by jogadorsonhador
0 comments

O Estado do RPG em 2013 (e 2012)

Contas feitas, as notícias são boas. Em 2013, o roleplayer médio:

  • jogou 21.4 sessões,
  • gastou 94.5 euros (310 reais) em material de RPG,
  • leu 7.7 RPGs e
  • jogou com 12.9 pessoas diferentes!

Distinguindo entre países, se for Brasileiro, jogou 19.4 sessões, gastou 325 reais, leu 6.6 RPGs e jogou com 12.4 pessoas diferentes. Se for Português, jogou 24.1 sessões, gastou 78.9 euros, leu 8.5 RPGs e jogou com 13.6 pessoas diferentes.

13thAge

Já em 2012,  o roleplayer médio jogou 18.6 sessões e gastou 49.5 euros (310 reais) em material de RPG. No Brasil, jogou 17.6 sessões e gastou 188 reais. Em Portugal, 20.7 sessões e 30.9 euros.

Estes resultados foram calculados a partir dos dados recolhidos em cada ano que podem verificar aqui (2013) e aqui (2012). É difícil estabelecer comparações entre os dois anos, pois em 2012 registaram-se 163 respostas e em 2013, talvez devido a um maior número de perguntas, registaram-se 65. No entanto, vemos concretizado o optimismo que se verificou entre aqueles que em 2012 disseram que iriam jogar mais e fazer mais compras.

Que mais gostariam de saber? Os dados são públicos, é só juntar os números. Obrigado a todos os que participaram nestas pesquisas e um feliz 2014 para todos!

2013/12/17
by jogadorsonhador
0 comments

O papel dos anfitriões

Anfitriões
A escolha deste tópico surgiu de uma série de e-mails trocados com o jogador-sonhador Gustavo Laboreiro que levantou várias questões em relação ao papel do mestre-jogo. Assim, aqui são destacadas as várias funções que estão para além do papel específico do mestre-jogo e são dadas algumas dicas para que sejam desempenhadas de forma proveitosa. Estas são:

  • Aprender um RPG
  • Arranjar o material
  • Liderar o grupo
  • Ensinar a jogar
  • Oferecer a sessão

Oiçam aqui a primeira parte, que podem descarregar da Terceira Terra.

E oiçam aqui a segunda parte, também disponível na Terceira Terra.

Não se esqueçam que também podem receber diretamente todos os episódios do Jogador-Sonhador subscrevendo o feed: http://www.terceiraterra.com/category/jogador-sonhador/feed/

2013/11/17
by jogadorsonhador
0 comments

Dungeon World da Secular Games

Dungeon World
Tiago Marinho e Rafael Rocha da Secular Games vêem até ao Jogador-Sonhador para falarem daquilo que vos interessa saber sobre Dungeon World, os cinco critérios que os jogadores-sonhadores dizem usar para escolherem os RPGs que compram: preço, arte, temas x mecânicas, comunidade e tempo de jogo (oiçam mais sobre estes critérios aqui).

Não percam esta ótima conversa sobre um dos títulos mais bem sucedidos dos últimos anos!

2013/10/19
by jogadorsonhador
0 comments

Estruturas narrativas (com Jorge Palinhos)

viagem do herói

Regressamos à esplanada onde costumamos jogar RPGs aqui no Porto para falar das histórias que criamos durante as nossas sessões. Esta é mais uma excelente conversa com Jorge Palinhos, roleplayer veterano, dramaturgo, guionista, tradutor e professor.

Nesta primeira parte falamos de continuidade e simulação, da divisão do protagonismo, de explorar uma premissa, de histórias potenciais e de outras coisas mais.

Nesta segunda parte, continuamos a falar da estrutura dos três actos e de mecânicas narrativas, mas também conversamos sobre a procura de um climax no meio de histórias que parecem nunca acabar.

Se estas questões vos interessam até para além do âmbito dos RPGs, recomendo este novo curso The Future of Storytelling que começa a 25 de Outubro e está disponível gratuitamente no iversity.org

 

2013/09/22
by jogadorsonhador
0 comments

Escolhas, desejos e expetativas

esteren

Como escolhes os RPGs que compras? Através do Twitter e do Facebook, os jogadores-sonhadores responderam a esta pergunta e chegamos até cinco possíveis critérios:

Preço
Arte
Tema x Mecânicas
Comunidade
Tempo

Ouve este episódio na Terceira Terra! Quais são os critérios mais importantes para ti?

Entretanto, podes consultar aqui no abreojogo.com toda a informação sobre o inquérito realizado no ano passado e veres o que se passa com o dinheiro que gastamos e o número de sessões que jogamos. Se te interessam estas questões que envolvem o comportamento dos roleplayers, talvez queiras também ouvir os episódios Desejos de validação e Confiança e expetativas. E, já agora,  como que é que as próprias capacidades de cada um condicionam os nossos jogos? Isso também podes ouvir no episódio Prontos para desafinar.

2013/09/11
by jogadorsonhador
1 Comment

#RPGenesis2013, Cidade Obscura e mais episódios sobre a criação de RPGs


Se o design de jogos vos interessa ou se simplesmente querem saber como é que estas coisas são feitas, vejam também o primeiro vídeo da série Olhando as Nuvens com o autor do RPG vencedor do concurso Faça Você Mesmo deste ano. Além disso, no arquivo do podcast, podem encontrar os episódios mais antigos do Olhando as Nuvens, ouvir como eu comecei a criar RPGs ou entrar em assuntos mais específicos como mecânicas de jogo, como fazer a festa sem a party ou desejos de validação.